Arquivo da tag: sacanagem

Ellen Page pra galera do Fap Fap em Beyond: Two Souls

Que Ellen Page seria protagonista no mais novo lançamento Beyond: Two Souls, da Quantic Dreams, de Heavy Rain, todo mundo deve estar sabendo, mas que ela estaria peladinha no jogo ninguém esperava. Bom, o caso é que é mais ou menos isso. No game tem uma sequência em que a personagem chega em casa e vai tomar um banho, na cena original que tá no jogo você não vê mais do que o ombro ou coxas e tornozelo da versão virtual da atriz, mas um maluco muito do campeão de calos no dedo e fricção peniana conseguiu extrair através de uma leve hackeada, algo mais dessa cena.

O que acontece é que durante a produção, programadores tem a “câmera” in ingame totalmente livre pra verificar detalhes e correr atrás de erros e retoques por todos os ângulos, o que o cara conseguiu foi exatamente essa liberdade. E assim, isso foi o que ele conseguiu:

Jodie Holmes peladinhaAgora você sabe (ao menos virtualmente) o que o Scott Pilgrim (Michael Cera) viu quando a engravidou em Juno.

PS: Vi alguns comentários sobre a necessidade da cena no jogo. Só tenho a dizer que sim, tem um apelo sexual nisso, mas a Quantic coloca uma cena de banho do mesmo jeito que coloca cena do personagem preparando o café da manhã, ou lendo o jornal, ou ligando o som pra ouvir música, ou seja, tudo pra te dar a sensação de entrar na pele do personagem e se sentir próximo com o que vai acontecer. E em termos de apelação sexual, ela fez o mesmo com Ethan Mars, protagonista de Heavy Rain, no qual até a bunda do personagem aparece, o que é mais do que a Ellen mostra em Beyond.

assinatura pnmp


Top 10 das paródias pornô de games

Paródias do mundo da safadagem não são uma exclusividade dos filmes populares de Hollywood apenas. O mundo dos games também recebe alguns filmes “basados” em títulos de sucesso. Eu não poderia fazer essa lista porque não vi absolutamente nenhum desses. Não sabia nem da existência dos filmes, mas o site do TechTudo fez uma pequena lista com 10 paródias baseadas em games.

O texto é do próprio TechTudo

10. Geki Fit

Imagine uma aula de yoga e exercícios físicos em que as instrutoras estão todas seminuas, com a câmera focando a imagem justamente “naqueles” lugares, quando elas estão nas posições mais sugestivas? É exatamente essa a premissa de Geki Fit, uma paródia do jogo de fitness Wii Fit.

09. Princess of Persia

Que tal pegar uma atriz pornô do Irã e colocá-la como protagonista em um filme chamado “Princesa da Pérsia”? Essa foi a ideia que alguns produtores tiveram ao escalar Tonya Summers, no início dos anos 1990.

Tirando o título do vídeo, não há muitas referências ao game Prince of Persia, lançado em 1989. Na história, um importante artefato mágico persa foi roubado pelo governo dos Estados Unidos e cabe à princesa da Pérsia resgatá-lo de volta para seu povo. Como ela faz isso? Seduzindo e fazendo sexo com todo mundo, claro!

08. Chinpo o Kitaeru Otona no Ingenware Training

Até os quebra-cabeças ganharam uma paródia pornô. Brain Age ganhou uma versão erótica no Japão chamada Chinpo o Kitaeru Otona no Ingenware Training (algo como “Autoaprendizado Obsceno de Perfuração com Pênis para Adultos”). Em vez do doutor Kawashima, quem dá as orientações aqui é a atriz sexy Hikaru Wakana.

07. Final Fuck X

Final Fantasy é uma série de games de sucesso que vez ou outra ganha uma paródia pornô.Final Fuck X é uma dessas produções que satiriza mais especificamente o décimo título da franquia. A história? Todos os personagens do game se reúnem e ignoram suas aventuras para ficar fazendo sexo o tempo todo sem abandonar suas fantasias.

06. Call of Booty: Modern Whorefare

Toda a violência e brutalidade das guerras podem até causar um excesso de testosterona, não? Para equilibrar um pouco as coisas é que são feitas paródias como Call of Booty: Modern Whorefare (parodiando Call of Duty 4: Modern Warfare). Estão lá as cenas clichês de guerra, entre uma e outra de sexo.

05. Super Hornio Brothers

Ron Jeremy é gordo, feio e bigodudo. Isso não impediu que ele tivesse uma carreira de sucesso na indústria pornográfica como ator. Sua aparência física até foi uma vantagem na sua escalação em Super Hornio Brothers, uma clara paródia pornô dos games Super Mario Bros. Ele é Squeegie, um programador que fica preso em um computador e precisa salvar uma princesa.

04. Left 4 Head

Um filme pornô com zumbi e monstros pode não ser uma ideia original, mas nem por isso deixa de ser estranha. Left 4 Head é uma paródia do game Left 4 Dead, game de tiro em primeira pessoa lançado em 2009 para PC e Xbox 360. Trata-se de uma série dividida em 12 capítulos, divulgados no YouTube, mas que, por conta de seu conteúdo explícito, só pode ser vista na íntegra por quem baixar os capítulos nos links divulgados pelos criadores. O mais legal? A série utiliza efeitos sonoros retirados do próprio game!

03. Jewel Raider: The Tomb Raper

Lara Croft, um dos principais símbolos sexuais dos videogames, já foi inspiração para muitos filmes pornôs. Um deles é Jewel Raider: The Tomb Raper, da produtora Thrust Films. O vídeo, além apresentar cenas bem eróticas, conta com várias cenas de combate, algo incomum em produções desse tipo. Algumas delas você pode conferir no YouTube, como no vídeo abaixo.

02. World of Whorecrat

World of Whorecrat é uma paródia de, adivinhou, World of Warcraft. São dez episódios baseados no famoso MMORPG para PC. Para evitar processos, as referências óbvias ao jogo da Blizzard foram suprimidas com o tempo, tanto que a série passou a se chamar Whore Lore. Uma das atrizes principais, Mia Rose, chegou a ser banida temporariamente do jogo depois que um fã a reconheceu e mencionou seu website num chat público.

01. Sex Fighter 2

O sucesso da série Street Fighter e seu time de lutadores sarados inspirou o filme Sex Fighter 2. O vídeo mostra lutas entre os personagens como se fosse uma partida do game (com barras de energia e tudo), com a diferença que no final cada casal de lutadores parte para outro tipo de ação, se é que me entendem… Ah, sim: o Blanka também participa.

E aí, curtiu algum?


Bomberman torando fod$#%*

Totalmente inadequado para menores de idade.

Mais uma tirinha do pessoal do Meninas WTF.

Como não criei nenhum post sobre o ano novo, ficam aqui meus votos de um excelente ano novo para todos.


Ultimate Marvel vs Capcom 3 – uma put@$!% sem tamanho

Em novembro sai a versão definitiva de Marvel vs Capcom 3, e digo isso não só pelo “ultimate” no nome do jogo, mas porque essa é a versão final do jogo de verdade. Se você é mais um dos que se sentiu otário depois de ter comprado MvC3 em fevereiro pra 2 meses depois anunciarem o UMvC3 com tudo que não tinha no primeiro, você tem motivos pra ter raiva da Capcom. Não se trata de “aah mas eles faziam isso nas versões anteriores de street fighter, sempre acrescentando mais personagens e bla bla bla”. A questão não é essa, Marvel vs Capcom 3 não te permite assistir as lutas dos amigos quando se está numa sala com mais de 2 pessoas jogando vs,  o jogo não tem um modo torneio, básico desde Super Street Fighter 2 HD que saiu até antes de SF4 pra Live/PSN, além de otras cositas mais.

O que deixou muita gente com vontade (eu incluso) de mandar a Capcom empinar a bundinha pro Kid Bengala e falar “vai com tudo” com esse jogo, foi mais o fato de você sentir que comprou um protótipo mesmo. Tanto que essa versão está saindo no mesmo ano de MvC3, não esperaram nem bater 1 ano do lançamento do jogo, pelo menos pra “disfarçar” que eles planejaram isso.

Pra mim, e pra muitos, acho que aliviaria e muito se eles lançassem esse UMvC 3 como DLC de MvC 3, como fizeram com Super Street Fighter 4 Arcade Edition, pois aí os donos de MvC3 não precisavam ter que se livrar às pressas e quase de graça de um jogo que 9 meses depois já é velho e ultrapasssado pra comprar o novo.

E sabe o que é pior? A Capcom tem acertado muito na mão com vários títulos deles, os jogos são bons, e com isso as pessoas acabam se tornando p#%@inhas dela pra jogar títulos que são bem recebidos por público e crítica. Só sei que esse UMvC3 eu só pegarei quando tiver folgado, sem outros títulos em mente, e se achar um usado em promoção por aí, porque com essa felação anal que a Capcom tem promovido não rola de pegar lançamentos deles.

Parafraseando o pensador, Away de Petrópolis, “Capcom, enfia a dentadura no c* e sorri pro car@&§, vai tomar no c$ tranquilo, valeu”.


%d blogueiros gostam disto: